O direito de amar

Tais perguntas são comuns de ouvir: “Se a homossexualidade tem que ser aceita na sociedade por ser parte da natureza, tanto que existe o comportamento mesmo entre animais, dessa maneira por que crimes como “a pedofilia ou a antropofagia”, são considerados também? Não são todos estes distúrbios de conduta e postura naturais aos seres humanos?”.

O que geralmente se justifica assim: “Assim como ninguém traz de berço o desvio de sua sexualidade, já que foram criados macho e fêmea. Ninguém também sente naturalmente apresso por ter relações sexuais com crianças, abusando de sua inocência, ou de se alimentar da carne de seus próprios semelhantes, por vezes assassinando suas vítimas no processo!”

Aqui tem um erro crasso, de raso uso do raciocínio! Primeiro que não existe um consenso sobre o que é a homossexualidade, ou como esta se desenvolve. Muito embora recentes pesquisas apontem que a bagagem genética do individuo tem nitidamente um enorme parcela de contribuição, vide as coincidências existentes em gêmeos monozigóticos.

Não obstante, se a homossexualidade é parte da natureza ou não, sendo “de berço” ou não, isso é irrelevante! Homossexualidade (posicionamento) ou homossexualismo (comportamento), não são crimes porque não agridem, física ou intelectualmente qualquer indivíduo, isso ao contrário do que muitos de nós queríamos que fosse, é um FATO, e inexoravelmente!

Igualar a simples prática, mesmo o desejo sexual, seja este heterossexual ou não, entre dois ou mais indivíduos, sendo estes condescendentes dos atos e ainda por cima emancipados, é um equívoco tremendo, no mínimo um ode ao conservadorismo, uma trava que os mecanismos sociais e religiosos, sustentam como um derradeiro suspiro de seu antigo poder.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s